Sesc Corumbá

Atividades

O Sesc Corumbá é uma Unidade ligada à cultura, oferecendo atividades como: Curso de Viola Caipira, oficinas, exposições, Café Literário, Sesc Partituras, CineSesc, Clube de Leitura, Palco Giratório, FliSesc, Contação de Histórias, Cine Charlas e muito mais.

Espaços e Serviços

Horário de Atendimento: De terça a sábado das 13h às 22h

Central de Relacionamento: De terça a sábado das 13h30 às 21h30

Endereço: Rua 13 de junho, 1703 – Centro

Telefone: (67) 3232-3130/3231-5938

A fim de promover o intercâmbio de artistas e a formação de leitores, o Sesc lançou, em 2017, o Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras, um projeto literário de âmbito nacional, que será realizado em formato de circuitos, com representantes da diversidade literária brasileira, que percorrerão o território nacional divulgando o que de melhor está sendo produzido no país.

O Arte da Palavra tem como objetivo oferecer ações que atuem em toda a cadeia da literatura, incluindo a formação e a divulgação de novos autores, a valorização das novas formas de produção e fruição literária, possibilitadas pela emergência de discursos periféricos e a utilização de novas tecnologias.

Desse modo, as diferentes frentes contempladas pelo projeto podem contribuir para a democratização do acesso à leitura, um dos pilares para o desenvolvimento social e cultural do país.

Considerando as diversas formas de manifestações literárias, o projeto é composto por três eixos:

Circuito de Autores – circuito nacional de escritores, voltado para a valorização e divulgação nas diferentes comunidades literárias, onde as obras serão lidas localmente antes da chegada dos autores, a fim de enriquecer o debate no encontro com os leitores;

Circuito de Oralidades – circuito nacional de apresentações em que a oralidade é privilegiada, voltado para contadores de histórias, saraus, cantadores e apresentações que mesclam poesia com outras manifestações artísticas.

Circuito de Criação Literáriacomposto por oficinas de diferentes temáticas, que objetivam exercitar a prática da escrita literária nas suas diferentes categorias, além de propiciar maior bagagem de leituras aos envolvidos.

Para difundir as artes cênicas brasileiras e democratizar o acesso à cultura, O Palco Giratório proporciona mais que entretenimento. O projeto possibilita trocas de experiências, e intercâmbios entre artistas e plateia, valorizando sempre a educação e a cidadania dos espectadores.

Há 15 anos circulando pelo país, o Palco Giratório busca caminhos além do eixo Sul-Sudeste para difundir a cultura onde o teatro puder chegar. Desta forma, vai até novos públicos, perpetuando hoje a tradição mambembe, vinculada a gerações anteriores de atores, que já percorriam o Brasil com seus espetáculos por meio de alternativas próprias.

Com o compromisso de difundir a arte pelo país, O ArteSesc leva ao público exposições, cursos, palestras, oficinas e debates sobre os mais diversos artistas brasileiros. Presente em 80 cidades brasileiras, o ArteSesc é renovado a cada ano, quando ganha 02 novos artistas para a coleção. As exposições são acompanhadas por material educativo voltadas ao publico escolar.

Desde a sua criação em 1981, o ArteSesc, mais de 30 mostras de artes visuais diferentes já passaram por quase todos os estados brasileiros. Milhares de expectadores já tiveram a oportunidade de trocar conhecimentos e experiências sobre a produção cultural artística brasileira. Atualmente o ArteSesc busca promover produções modernas e contemporâneas, relacionadas com materiais multimídia e de experimentação.

O projeto Sesc dramaturgias promove o estudo da dramaturgia em diversos aspectos: texto, corpo, movimento, iluminação cênica, circo e dança. Idealizado como uma estratégia para valorizar a relação de artistas e grupos teatrais com o texto dramático, a proposta foi atualizada, em 2015, no sentido de alcançar um conceito ampliado de “dramaturgia” e, consequentemente, se tornar mais atrativo para a clientela do Sesc e para o público em geral. Com as suas oficinas, o projeto oferece uma opção relevante de formação cultural coadunada com a produção cênica contemporânea, visando a estimular a produção artística nacional e regional, conforme preconiza a Política de Cultura do Sesc.

O Sesc Dramaturgias, que este ano entra em sua 20ª edição, é uma iniciativa do Departamento Nacional do Sesc que visa a formação cultural associada à produção cênica contemporânea com o objetivo de fomentar a criação de possibilidades dramatúrgicas no teatro destacando o seu potencial para debates e reflexões, além de estimular a prática de leitura de textos teatrais. São oferecidas oficinas, ministradas por atores e dramaturgos nacionais de destaque da cena teatral brasileira. Na unidade do Sesc Corumbá serão oferecidas as etapas:

– Dramaturgia do Corpo: A oficina tem por intuito ensinar o ator a preparação do corpo para entrar em cena, inserindo noções de coleta de material para a construção de um espetáculo e descoberta relacionadas às questões frequentes na trajetória do um intérprete.

– Dramaturgia do Texto: A oficina tem por objetivo aprofundar as noções sobre interpretação de textos do gênero dramático e noções de direção teatral. A dinâmica das atividades possibilita aos participantes uma expansão da sua capacidade criativo-analítica a partir das proposições e textos trabalhados durante a oficina e ainda possibilita a produção e apresentação de uma leitura dramatizada dos mesmos como enriquecimento do processo criativo.

– Dramaturgia da Escrita: A oficina tem o objetivo de desenvolver um período de estudos e de pesquisa em que os participantes são estimulados a criarem experimentos teatrais, através da revisitação de aspectos e princípios básicos da escrita dramatúrgica, tendo como foco principal: a provocação do olhar do aluno e do desenvolvimento de uma escrita autêntica a partir da experimentação de exercícios individuais e coletivos; a fricção com aspectos a serem provocados e orientados pelo ministrante.

– Dramaturgia da Dança: A oficina coloca em foco as dramaturgias possíveis a partir da memória da dança, enfatizando a história da dança, partindo do que foi para o que permanece de vestígios ao longo da existência de espetáculo, apresentação, temporada e processos criativos. Treinando o olhar sobre esses vestígios, transformando-os em elementos de composição que denotem uma dramaturgia que atualize o passado e ao mesmo que criando obras que se descolem destes vestígios e tomem uma vida autônoma.

– Dramaturgia do Circo: A oficina consiste em desenvolver uma abordagem integrada entre pesquisa artística, formação, técnica e criação de números ou projetos artísticos. Os participantes serão expostos a exercícios físicos, vocais, jogos de escuta, além de ferramentas com foco na composição cênica, a partir do diálogo entre o circo, a performance, a dança e a cena. O espaço cênico serve de plataforma de encontro entre as demais expressões artísticas a serviço de cada ator/performer/dançarino e de suas dramaturgias.

As mostras cinematográficas oferecidas pelo Departamento Nacional do Sesc vem sempre acompanhadas de cadernos/cortesia me que o projeto gráfico utilizado se transforma em ferramenta de apoio estético na formação e divulgação do que se tem de melhor na história do cinema universal. Esse ano teremos a MOSTRA INGMAR BERGMAN DE CINEMA com um recorte de 09 filmes do diretor sueco que inspirou nomes como: Woody Allne; Stanley Kubrick; Pedro Almodóvar; Frederico Fellini; David Lynch e Guilherme del Toro (que recentemente foi premiado com o Oscar de melhor diretor).

São oferecidas aulas de viola caipira e violão para alunos em situação de vulnerabilidade social pelo Programa de Gratuidade do Sesc e temos a Orquestra Corumbaense de Viola Caipira – OCVC, que se apresenta em datas e eventos pontuais da cidade trazendo o resgate da música caipira através de um de seus instrumentos mais tradicionais.

Circuitos teatrais, principalmente voltados ao público infantil a fim de promover o teatro e trabalhar dentro da filosofia do Sesc de formação de público para as atividades artísticas propostas. Este ano estaremos com o GRUPO TIA de teatro que oportunizará apresentações teatrais, cortejos de rua e oficinas de teatro para crianças e adultos.

Com o intuito cada vez mais intenso deformar um público leitor nas cidades de Corumbá e Ladário, o Sesc Corumbá traz, para o ano de 2018, Contações de histórias a cada 15 dias, valorizando os clássicos da literatura brasileira e ainda apresentando o que de melhor tem sido produzido na literatura infantil contemporânea. E como a contação de histórias é uma das artes mais antigas do mundo, não poderíamos nos furtar a trazer um resgate dessa tradição oral, por siso, todo mês teremos mestres/griôs trazendo suas vivências e repassando para os mais novos, de acordo com a tradição, os saberes populares e intrínsecos da nossa cultura.

CIRANDA DA CONTAÇÃO
Intercalando com a Contação de Histórias teremos, também quinzenalmente, a Ciranda da Contação, que acontece aos sábados, das 16h às 18h. A ação é estruturada da seguinte forma: as crianças ouvem/assistem uma contação de histórias e depois são conduzidas a atividades lúdicas referentes ao que foi contado, desta foram conseguimos trabalhar as percepções, sensações e sinestesias adquiridas da história contada.

Tanto a Ciranda quanto a Contação são feitas por artistas locais e regionais, estimulando a classe artística à produção cultural e favorecendo a profissionalização dos contadores de histórias.

Clube de Leitura

Em uma parceria com o Clube de Leitura Corumbá, Ladário e Região (existente desde 2012 na cidade de Corumbá), os encontros acontecem mensalmente na unidade do Sesc Corumbá. Os participantes do clube ressaltam o quanto gostam do que se torna coletivo em uma atividade geralmente solitária: dúvidas sobre a narrativa, impressões a respeito dos personagens, paralelos com outros títulos que cada um já conhecia, emoções despertadas pela obra, afinal, se ler é um ato solitário, o ser humano é uma ser social e a possibilidade de compartilhar leituras, vivências, sensações e interpretações só tende a enriquecer os participantes enquanto leitores e enquanto cidadãos.

SISTEMÁTICO: TODA ÚLTIMA TERÇA DO MÊS, ÀS 18H

Clube de Leitura Juvenil

Com a intenção de promover a leitura entre os jovens e ainda estimular o protagonismo juvenil, alargamos as possibilidades de trocas literárias para esse público. Os encontros também são mensais e os próprios clubistas é que escolhem os livros que desejam ler, favorecendo assim, o estreitamento de laços afetivos, a capacidade crítica, as trocas de desejos e anseios em comum, ou seja, participar de um clube de leitura se torna uma maneira muito saudável de encarar a literatura e criar um hábito extremamente enriquecedor aos jovens.

Todo incentivo é bem-vindo num país em que 27% da população de 15 a 64 anos é analfabeta funcional e onde se lê pouco. Segundo uma pesquisa de 2012 do Cerlalc (Centro Regional para o Fomento do Livro na América Latina e Caribe), da Unesco, os brasileiros leem em média 4 títulos por ano –a média na Argentina é de 4,6, e no Chile, de 5,4.

Uma possibilidade de debate literário produtivo e coloquial em que a literatura é colocada em foco a partir de lançamentos de livros, debate com autores regionais e locais, saraus, discussões de revistas literárias e afins. O evento acontece mensalmente e tem por vertente primordial a apresentação da literatura brasileira contemporânea ao público interessado.

A Festa Literária do Sesc Corumbá é uma forma de celebrar a literatura em suas mais diferentes ramificações contemplando oficinas formativas, debate de autores, lançamento de livros, apresentações culturais multilinguagens em que a palavra é sempre o elemento chave de celebração. A Flisesc terásua segunda edição esse ano e tem por intuito a democratização do acesso à leitura em diversos segmentos, gêneros e abarcando todas as faixas etárias e classes sociais.

Sesc Corumbá