Teatro do Sesc recebe musical infantil “Meu Mano Humano”

380

A Cia. Última Hora traz a Campo Grande seu mais novo trabalho intitulado “Meu Mano Humano”, um espetáculo de teatro musical para crianças de todas as idades. A apresentação será no Teatro Prosa do Sesc Horto nos dias 14 de julho às 20h, e no dia 15 às 18h, com entrada gratuita.

O espetáculo debate temas como adoção, aceitação de diferenças, amadurecimento e superação de traumas em um universo fantástico onde Palomito, um gato carinhoso, mas muito medroso, descobre que seus “pais humanos” terão um bebê, e ao lado de seus amigos, questiona sua própria natureza e decide fazer escolhas que mudarão para sempre sua vida. Com trilha sonora e dramaturgia original, a peça de cinquenta minutos de duração trata dos temas citados de maneira descontraída e direta, utilizando-se de referências populares intercaladas com momentos de expressiva performatividade contemporânea.

Em 2016, a trupe recebeu o Prêmio Rubens Corrêa de Teatro, promovido pela Fundação de Cultura do Estado de Mato Grosso do Sul, e, com este investimento, montou o espetáculo “Meu Mano Humano”, na maior produção da companhia até então, com direção de Marcos Chaves. Além de Dourados, a peça seguirá para as cidades de Campo Grande e Três Lagoas.

O Grupo

A douradense Cia Última Hora, composta por professores do curso de Artes Cênicas e alunos do curso, atua desde 2014, nasceu nos corredores do Núcleo de Artes Cênicas da FACALE – UFGD e da vontade dos artistas envolvidos de ampliar pesquisas artísticas pessoais e práticas em artes cênicas.

No primeiro ano foram montadas as peças “A menina sem chapéu e o lobo que não era mau”, inspirada no clássico Chapeuzinho Vermelho e voltada para o público da infância e juventude, e “Tristão e Isolda” – como teatro de rua – a partir do conto medieval de mesmo nome; ambas as obras com direção de Marcos Chaves. O espetáculo de rua recebeu o Prêmio Funarte Artes na Rua, e em 2015 circulou nos estados de Mato Grosso do Sul, São Paulo e Paraná.

Neste ano, a companhia também recebeu o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna, o que possibilitou a montagem das ações cênico-performativas “Fragmentos de corpos urbanos – Parte I”, com direção artística de Ariane Guerra. Fragmentos estreou em 2016 e teve apresentações em Dourados e em Pelotas no Rio Grande do Sul.

Mais informações da peça com a professora Flávia Janiaski, pelo celular 9-8102-7275 ou pelo e-mail: flajaniaski@hotmail.com

Para saber mais sobre Cia Última Hora acesse http://ciaultimahora.blogspot.com.br ou entre em contato pelo e-mail: ciaultimahora@gmail.com